Hipertextus Revista Digital Hipertextus Revista Digital Hipertextus Revista Digital Nehte/UFPE Website UFPE
 
 
Indexadores Nacionais:
 
Indexadores Internacionais:
 
Visitantes online:
 

 
 
Editoriais - Volume 12
 

Caros leitores,

Este é o décimo segundo volume da Hipertextus Revista Digital e, mais uma vez, nós temos a grata satisfação de divulgar trabalhos desenvolvidos por pesquisadores das mais diferentes universidades e regiões brasileiras.

À luz do interacionismo e do sociocognitivismo, Camila Mota Oliveira, Geralda de Oliveira Santos Lima e Maria Denise Oliveira da Silva, da Universidade Federal de Sergipe, analisam no primeiro artigo, a utilização dos recursos tecnológicos nas aulas de língua materna, por parte de professores que atuam no Ensino Fundamental de escolas da rede municipal da cidade de Aracaju (SE).

No segundo artigo, as pesquisadoras da Universidade Tiradentes (SE) Francely da Silva Oliveira, Andrea Karla Ferreira Nunes e Kalyne Andrade Ribeiro, com o objetivo de analisar a influência do conectivismo nas práticas educacionais, discutem a questão teoricamente e abordam os limites e as possibilidades da problemática.

Renato Cabral Rezende e Marcela Paula de Araújo, da Universidade Federal de São Paulo, tomando como objeto de estudo as ações de retextualização constantes das postagens da personagem Dilma Bolada, apresentam, no terceiro artigo, uma análise da construção, no hashtag, da imagem pública da referida personagem, por meio da referenciação e da predicação.

A análise dos recursos utilizados na interação em um curso online constante da plataforma Massive Open Online Courses (MOOC) é o que apresentam, no quarto artigo, Aline Tavares Costa e Filomena Maria Gonçalves da Silva Cordeiro Mota, ambas da Universidade Estadual da Paraíba. Para tanto, as autoras buscam ancoragem teórica em estudos sobre a interatividade on-line e recursos digitais.

No quinto artigo, por seu turno, Antenor Rita Gomes e Núbia Oliveira da Silva, da Universidade Estadual da Bahia, estabelecem, com base em conceitos como multimodalidade e hipertexto, uma discussão acerca da inserção das imagens no universo da comunicação nas redes sociais (especificamente no Facebook), bem como do seu complexo processo de produção de sentidos.

O artigo sexto traz à tona a problemática dos saberes produzidos quando do desenvolvimento de atividades em blogs pedagógicos voltados à Educação Básica. Com base nos pressupostos relativos às noções de Letramento e de Saberes Docentes, Williany Miranda Silva, da Universidade Federal de Campina Grande, procura analisar se as práticas digitais utilizadas nesse contexto favorecem os saberes mobilizados nas referidas atividades.

As atividades didáticas em Ambiente Virtual de Ensino-Aprendizegem e o respectivo  processo docente de mediação tecnológica no uso da hipermída são objetos de discussão, no sétimo artigo, de Andreia de Bem Machado, Rogério Santos Pedroso, Richard Perassi Luiz de Sousa e Francisco Antônio Pereira Fialho, da Universidade Ferderal de Santa Catarina. Os autores ancoram as suas reflexões nas mais atuais discussões acerca das noções de hipermída, cultura virtual e ambiente de aprendizagem e explicitam a necessidade da formação docente na área.

No oitavo artigo, Samara Falcão Tavares de Souza e José João de Carvalho, ambos da Universidade de Brasília, analisam o tratamento dado à variante da língua usulamente denominada de internetês pelos livros didáticos. Para tanto, os autores recorrem aos princípios constantes dos documentos oficiais que norteiam o ensino de língua materna, bem às concepções de gêneros do discurso, de pedagogia de letramentos e multiletramentos e da sociolínguística.

Fechando a presente edição, no nono artigo, Cristiano Mello de Oliveira, da Universidade Federal de Santa Catarina, faz uma análise do romance Estorvo, de Chico Buarque de Holanda, com o objetivo de abordar o efeito da incomunicabilidade nos romances contemporâneos.

Desejamos a todos uma excelente Hiperleitura.Acessar Volume 12

Siane Gois Cavalcanti Rodrigues — Letras/UFPE (Editora)
Antonio Carlos Xavier — Nehte/UFPE
(Coeditor)